11

Mar

Sobre Serviços Ecossistêmicos – Abelhas e Polinização

Vamos falar sobre Serviços Ecossistêmicos e a urgência de prestarmos mais atenção para as questões ambientais?
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
A queda nas populações do inseto (Síndrome do Colapso das Abelhas), ocorre por fatores naturais e pela ação humana, por meio da destruição do ambiente das abelhas selvagens e do USO MASSIVO DE AGROTÓXICOS e AGROQUÍMICOS.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
VISÃO SISTÊMICA:
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Se as abelhas sumirem, boa parte dos vegetais também deixará de existir. Isso porque elas são responsáveis pela polinização de até 90% da população vegetal.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Com a queda drástica na quantidade de vegetais disponíveis, as fontes de alimentação de animais herbívoros ficarão escassas, gerando um efeito dominó na cadeia alimentar. Os herbívoros irão morrer, diminuindo a oferta de alimento aos carnívoros, atingindo um número cada vez maior de espécies até chegar aos humanos.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Com poucos vegetais e carnes à disposição, valerá a lei da oferta e da demanda. A tendência é que os preços dos alimentos disparem, assim como os valores de outros artigos de origem animal e vegetal, como o couro, a seda e o etanol, para citar só alguns. Está formada uma crise econômica.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Na luta pelo pouco alimento que restou, a população mundial pode iniciar conflitos e até guerras. A agropecuária em crise afetará vários setores da economia, gerando desemprego, queda geral de produtividade e insatisfação popular.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Pela fome, muitos morrerão ou ficarão doentes. Poucos conseguiriam sobreviver a esse caos.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
(Fontes: Super Interessante, Greenpeace, Revista Eletrônica de Veterinária e Embrapa)

 

Links:

S.O.S., as abelhas pedem socorro

https://g1.globo.com/natureza/blog/andre-trigueiro/post/2019/02/21/licenciamento-recorde-de-novos-agrotoxicos.ghtml

https://www.greenme.com.br/informar-se/agricultura/7694-agrotoxicos-mataram-500-milhoes-abelhas-brasil?fbclid=IwAR3-cG4UffWEuEt9zExWVBUmRR2waShdUsqgnP4HahfVqedjIxaVRWtEwKk

Apicultores brasileiros encontram meio bilhão de abelhas mortas em três meses

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *