09

Fev

Gente é pra brilhar… mas com glitter ecológico!

Olá leitores e foliões!!!

Prometo que esse texto vai ser curtinho que é para dar tempo você ir curtir um carnaval brilhante e ecologicamente correto!!!

Desde de 2016 que o glitter se tornou quase uma obrigação no carnaval e no pré carnaval também!

E antes que você pense: “lá vem os ecochatos”, preciso te pedir que dê um pouco de atenção a quem quer o bem da natureza e o seu também!!!

Mas não se preocupe porque essa ambientalista que vos escreve, é um pouco mais ponderada e sabe que é mais fácil e cômodo comprar o primeiro glitter que lhe aparece pela frente, no lugar de sair produzindo glitter em casa.

Faço então dois pedidos:

  • Perca 1 minuto do seu tempo lendo o rótulo dos produtos porque hoje já existem brilhos ecológicos feitos a partir de pedras minerais e corantes vegetais ou minerais;
  • Segue na fé e dá uma olhada nas dicas a seguir:
  1. Pergunte se na loja já tem glitter biodegradável ou ecológico e/ou leia o rótulo e verifique a composição. Dê preferência aos que são produzidos com MICA que é um mineral e não com plástico. (Exemplo: pó de estrelas). No final do texto tem uma lista de 13 marcas que oferecem essa opção.

  2. Se em último caso não tiver opção biodegradável e você “precisar” comprar glitter feito com plástico, opte pelos de tamanho maiores, em formato de estrela, coração ou do tipo “brocal” (Foto: Foliã).

  3. Finalmente, você também pode optar pelos “adesivos make” (Foto: Unicórnea)

     

Fotos: na primeira com glitter brocal e na segunda com adesivo make

Lembre-se: quanto MAIOR for o glitter maior será a chance do sistema de tratamento de esgoto (para onde vai a água da pia e do chuveiro quando você toma banho)  conseguir filtrar, e o seu glitter não ir parar nos oceanos e consequentemente para os peixes, frutos do mar e para o sal marinho (sim, esse que você tem em casa).

Mas isso não deve deixar você numa situação confortável pois boa parte do glitter também fica espalhado pelas ruas e acaba indo pros rios, lagoas e oceano (no caso das cidades litorâneas) por meio das galerias de drenagem das águas das chuvas. Então o melhor caminho é mesmo buscar as opções sustentáveis! Você consegue!

Se não for pela natureza, pensa na sua saúde! Afinal, ninguém em sã consciência gostaria de comer micropartículas de plástico, que além de não serem processadas pelo organismo ainda podem causar sérias doenças né mores?

Então é isso!!! Brilhem!!!

Porque gente foi feita pra brilhar mesmo!!! Mas também foi feita pra ter uma vida saudável e sustentável!!

Feliz carnaval!

 

Dica: Pra quem quiser ler mais, saber mais, conhecer mais e fazer mais:

Glíter ecológico: 13 Marcas que produzem bio-glitter para você brilhar muito por aí

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *