Alerta!

alerta-detetive-falcao

Saudações, nação alvinegra.

Depois de um pífio começo de Série B, fundamentalmente o sinal de alerta tem que estar ligado em Porangabussu.

Se não, vejamos! Nossa próxima partida será fora de casa contra o Náutico, que embora esteja passando por uma grave crise financeira, sempre será um adversário tradicional, um clássico do Nordeste. Então, com a possibilidade de mais uma derrota, ou um empate, encerraríamos a terceira rodada com 01, ou no máximo 02 pontos conquistados de 09 disputados, ou seja, seria uma tragédia anunciada? Ainda é cedo? Ainda dá tempo? Ainda… Ainda…

Se formos frios e calculistas, obviamente, inegavelmente, irrefutavelmente… Existem vários sinônimos para dizer que sim, é claro que temos MUITO tempo.

Entretanto, o que estou tentando alertar aqui é que, em se tratando de um campeonato de pontos corridos, todo o “tempo do mundo” – AINDA – é pouco, atentai, diretoria!

O nosso “alento”, ou início do referido, atende pelo nome de Élton, ex-Vasco, novo centroavante alvinegro, e se jogar a bola que se espera dele será um grande reforço. Porém, AINDA (desculpem a redundância da palavra) é pouco, ou quase nada, tendo em vista as muitas carências da nossa equipe titular, especialmente no setor ofensivo e de criação, sem falar nas opções quase inoperantes do banco.

Precisamos de mais três, ou quatro contratações pontuais, no mínimo…

Mesmo assim, otimista como sempre sou, consigo ver alguma qualidade no elenco, isso, contando com Pedro Ken e já com a titularidade de Élton – temos 11 dias para deixa-los prontos até o próximo jogo – com eles em campo a situação ofensiva ficaria um pouco mais amena, e juntamente com o nosso bom setor defensivo teríamos uma onzena em que poderíamos esperar alguma coisa.

Os únicos destaques da noite de ontem, foram: Roberto (esse tem bola) e mais uma vez o garoto Raul, além da boa estreia de Pio, mas entrou somente depois da metade do segundo tempo, infelizmente o Givanildo demorou demais para coloca-lo em campo, quando em uma bola parada, ou mesmo com um chute de média distância poderia ter decidido o confronto, essencialmente porque tínhamos enormes dificuldades de furar o bloqueio do time mineiro.

O Romário é um que está em péssima fase, penso que seria o momento de dar oportunidade ao Rafael Carioca na lateral esquerda.

Agora, vamos aguardar os trabalhos nos bastidores dos nossos gestores em relação ao mercado da bola.

E, só para encerrar essa minha crônica de hoje, é preciso que o Departamento Médico do Ceará Sporting Club comece a trabalhar verdadeiramente para ajudar, porque ultimamente só atrapalha, sendo até motivo de chacota nas arquibancadas!

Forte abraço na maior do Estado.

Boooooooooooooooo Cearaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaá, sempre!

Comments

comments