32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Arte + Agenda

Fãs se aglomeram na porta do Copacabana Palace, após chegada de Madonna no Rio

segunda-feira, 29 de abril 2024

Celulares apontados para o alto, ambulantes vendendo camisas, bolsas e guloseimas e som alto com sucessos como “Like Virgin” e “Express Yourself”. A chegada de Madonna ao Rio mudou a rotina de um dos pontos mais badalados do Rio: o calçadão da Avenida Atlântica em frente ao Copacabana Palace, na zona sul carioca.

O agito atípico nesta segunda-feira (29) ensolarada e abafada no Rio foi por causa da chegada de Madonna e de sua entourage de 200 pessoas. A cantora se apresenta nas areias da praia, em frente ao tradicional hotel, o último show da “Celebration Tour”, no sábado (4), e para alegria dos fãs chegou com alguns dias com antecedência.

“Madonna está entre nós!! Cheguei 7h da manhã aqui na porta do hotel e vi quando ela desceu de um carro preto. Logo depois, apareceu na janela do quarto. Quase morri”, conta a promotora de vendas Maria José dos Santos. Fã de Madonna desde dos anos de 1990, ela diz que pretende já acampar em frente ao palco na terça-feira (30), assim que os tapumes que cercam o palco forem retirados. “Quero vê-la de pertinho”, avisa.

Essa também é a intenção do produtor de eventos Mozart Ferrer, que saiu de Paulista, em Pernambuco, para o Rio, exclusivamente para ver o show de sua ídola. Há dois dias, ele dorme e toma banho na casa de conhecidos. “Fico a maior parte do tempo na rua para não incomodar essas pessoas que estão me dando abrigo. Quero me instalar logo ali nas grades”, diz ele que trouxe perfumes e lenços umedecidos para a próxima etapa da aventura: “Vou comprar fraldas geriátrica para não perder o meu espaço no dia mesmo do show. Todo o sacrifício é pouco para ver Madonna pela primeira vez na vida”, completa.

O casal Hannes Messina, 32 e Claudio Alencar também é muito fã de Madonna, mas está fugindo dos tumultos. “Nós decidimos ficar um pouco distante do palco e curtir o som, que já vai ser incrível. Claro que seria ótimo vê-la de pertinho, porque ela é um ícone de várias gerações. Vamos tentar. Até o dia do show, iremos passar algumas vezes na frente do hotel. Quem sabe temos sorte”, torce Claudio.

Morando há sete anos no Japão, Hermes Suzuki saiu do México direto para o Rio para assistir ao 11º show da atual turnê de Madonna. No total, ele assistiu a 30 shows da cantora. “Sou muito fã dela e não podia ficar de fora desse mega espetáculo. São mais 1,5 milhão de pessoas esperadas. É uma celebração para entrar na história”, avalia.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com