32 C°

quinta-feira, 23 de setembro de 2021.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Ceará

Ceará torna-se o primeiro do Nordeste em investimentos na Bolsa

terça-feira, 14 de setembro 2021

O estado ultrapassou a Bahia, entre os estados da região, e agora detém 2,23% do dinheiro em custódia na Bolsa de Valores.

O Ceará se tornou o estado líder do Nordeste em investimentos na Bolsa de Valores. A informação foi comemorada após a divulgação dos dados publicados pela B3 e que apresenta o perfil de pessoa física na Bolsa de Valores. Os cearenses alcançaram a marca de R$ 12,22 bilhões investidos durante o mês de julho. Antes, a liderança no ranking da região era da Bahia, que possuía R$ 11,51 bilhões em investimentos. 

Foto: Reprodução/ Google imagens

“São muitos fatores que podemos pontuar. A veia do empreendedor cearense, que vem buscando, via mercado de capitais, acessar um crédito mais viável para o seu crescimento tem despertado também nas pessoas físicas a essência do investimento em bolsa, que é ser sócio de grandes projetos e empresas. As empresas acessam o mercado de capitais lançando suas ações, com os IPO´s ou com a emissão de debêntures, que são os títulos de renda fixa. Movimentos de fusões e aquisições também estão no radar de algumas companhias. Essa é a primeira etapa para mudança de patamar nas empresas, onde há um preparo para alçar voos maiores e com implantação de governança. Outro ponto muito importante é a educação financeira. A disciplina já está sendo implantada nas escolas do Ensino Fundamental e nas universidades com MBA´s específicos capacitando profissionais, pois o mercado está demandando bastante para a área. As pessoas buscam os cursos tanto para aprender a investir seu próprio dinheiro como para ficarem preparadas para oportunidades nas empresas” explica a Head Ceará da VLG Investimentos, Louise Freire.

O Ceará, atualmente, detém 2,23% do dinheiro em custódia na Bolsa de Valores. O valor representa similaridade com a participação do PIB do Estado em relação ao Brasil. Na sequência do ranking estão os estados de Pernambuco (R$ 7,15 bilhões) e Maranhão (R$ 4,97 bilhões).

Mesmo em primeiro lugar, o Ceará ainda ocupa a terceira posição, no Nordeste, em número de investidores. Atualmente, o estado registra 76,3 mil pessoas físicas com recursos na bolsa. A Bahia aparece em primeiro com 127,5 mil e Pernambuco, com 88,3 mil investidores.

“É preciso continuar trabalhando forte o tema de investimentos e entender como funciona o mercado de capitais. Quando os colaboradores e executivos vivenciam a seriedade e transparência que é exigida de uma empresa de capital aberto eles começam a entender que o dinheiro deles também pode ser investido no negócio, ou seja, ganhar mais patrimônio pessoal cada vez que a empresa melhora sua eficiência. Com o tempo, as pessoas vão tendo mais coerência ao escolher um ativo (empresa) para investir seu próprio dinheiro. Nosso estado tem muito potencial para ter mais nomes listados em bolsa, estamos apenas no início do processo. Deixo um recado para que os profissionais da área estejam capacitados e preparados, pois, não tem como segurar esse movimento. Está chegando o dia em que conversaremos sobre investimentos com tanta naturalidade como se conversa sobre futebol.”, diz a especialista.

Fonte: Engaja.comunicação

Mais conteúdo sobre:

Bolsa de Valores Ceará primeiro do nordeste

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com