32 C°

28 julho 2008.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Ceará

Poranga dos Pinho

segunda-feira, 28 de julho 2008

Na edição de 21 do corrente mês escrevi sobre a sucessão em Poranga, onde afirmei que seja qual for o resultado da eleição a vitória ficará com a Família Pinho. Ressaltei outros detalhes e a matéria tem gerado algumas respostas e esclarecimentos. Pois bem, o texto assinalou que o vice do candidato Aderson Pinho (atual prefeito e candidato a reeleição, no caso, o dr. Carlisson era do DEM, quando na verdade pertence também ao PSDB, partido do prefeito.


Também estou sendo questionado porque informei que a maioria da família Pinho estava apoiando o candidato Igor Pinho (filho do ex-prefeito Abdoral, quatro vezes Prefeito do Município). Fonte ligada ao prefeito Aderson e ao deputado Marcos Cals nos assegura que eu incorri noutro equívoco. E me disseram: na realidade nenhum dos irmãos do Abdoral, muito menos sobrinhos o apóiam, ficando claro que o único apoio é do Paulo Pinho, que é considerado apenas primo do Abdoral.


Sobre adesão de peso que assim qualifiquei o apoio do atual vice-prefeito Ronaldo Pinho ao candidato Igor, também estou sendo questionado. E me disseram: não vejo como adesão de peso o nome do atual vice-prefeito, pois, ele, Ronaldo Pinho, nem sequer teve a coragem de lançar seu irmão para a reeleição ao cargo de vereador, sabendo das dificuldades para reelegê-lo. E me disseram mais: Vale salientar que não se ganha eleição por sobrenome, e sim, por um trabalho desenvolvido dentro do município onde as pessoas questionam que o atual prefeito comanda a única gestão que deu liberdade ao povo, acabando com as perseguições. Feito pois, os novos esclarecimentos sobre a eleição municipal em Poranga, em cinco (05) de outubro.


A julgar pelos enfoques do mais recente contato que fiz com lideranças ligadas ao atual prefeito, não há dúvidas de que ele, Aderson Pinho e os seus apoiadores acreditam muito em sua reeleição. Pelo menos numa coisa, o que escrevi no dia 21 não mereceu reparo: o futuro Prefeito de Poranga será da Família Pinho. Anotem para conferir. E não se espantem, por um motivo muito simples: os dois candidatos são primos ou não são?.


Netos do saudoso casal fundador do município, dona Itelvina e José Rodrigues de Pinho. Logo, ganhe Aderson ou Igor, a figura da Família Pinho, a meu entendimento, continuará no poder em Poranga, o que aliás, acontece desde a fundação do município 50 anos atrás.


Santa Quitéria


Informa o prefeito Tomaz Figueiredo, que a Prefeitura Municipal de Santa Quitéria acaba de fazer à SEMACE %u2013 Superintendência Estadual do Meio Ambiente, três pedidos de Licença de Instalação. O primeiro, para instalação e construção do açude público Gomes de Andrade, no Assentamento Cacimba Nova/Santa Rosa; o segundo, para construção do açude público Fuzil, no Assentamento Val Paraíso, todos em Santa Quitéria, claro.


Livro sobre origem dos distritos de Sobral


Em grande estilo sobralense, no dia 29 de julho, fazendo parte do mês em que Sobral completa 235 anos, será realizada uma noite de autógrafos do livro Da Origem dos Distritos de Sobral, na Casa de Cultura, às 20 horas, de autoria dos renomados arquitetos Campelo Costa e o sobralense Herbert Rocha, atual superintentende da Semace.


 O livro é uma belíssima coletânea de desenhos dos lugares de Sobral assinados por Campelo, acompanhada de uma pesquisa histórica de Herbert Rocha sobre a formação do território da Vila Distinta e Real de Sobral desde seus primórdios no final do século XVII até os dias de hoje. Autores homenageiam Sobral presenteando-a com o charme dos desenhos de Campelo Costa e a sensibilidade do legado histórico contado por Herbert Rocha.


Os dois arquitetos fazem uso do lápis, um desenhando e o outro escrevendo, na mesma história: o testemunho arquitetônico deixado na paisagem da saga da ocupação do sertão dos vales dos rios Acaraú e Aracatiaçu.


Colônia de férias


As férias estão agitadas para as crianças e adolescentes que integram o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) de Horizonte. Elas participam da colônia de férias do programa, que prossegue até o dia 30 de julho.


Os organizadores prepararam uma programação especial para os pequenos cidadãos, com atividades sócio-educativas e de lazer. Os pais também estão sendo beneficiados com oficinas de pintura, de colagem e desenho, além de filmes educativos. Os pais também estão participando de um curso sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente. A colônia está sendo realizada na Casa da Família, de 8 horas às 12 horas, de segunda a sexta-feira.O PETI atende crianças e adolescentes com idade entre 7 a 17 anos desenvolvendo diversas atividades educativas, esportivas, culturais e de lazer, além de ações com as famílias das crianças, como cursos de geração de renda, entre outros.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com