32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Economia

Movimento do varejo no Dia das Mães deve ser 3,5% maior

quinta-feira, 02 de maio 2024

O comércio varejista deverá movimentar em todo o país R$ 13 bilhões com as vendas do Dia das Mães. A projeção é da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, que aponta valor superior em 3,5% em relação à movimentação financeira real observada no ano passado.
São Paulo (R$ 3,9 bilhões), Minas Gerais (R$ 1,4 bilhão), Rio de Janeiro (R$ 1,1 bilhão) e Rio Grande do Sul (R$ 967 milhões) devem concentrar 57% das vendas. As 12 maiores Unidades da Federação deverão registrar avanços nos volumes de vendas locais, sendo Espírito Santo e Bahia os maiores destaques relativos às altas esperadas – ambos com projeção de 6,3%.
“As duas pesquisas realizadas pela Confederação que medem as perspectivas do comércio tanto do ponto de vista dos varejistas quanto dos consumidores apontam crescimento do setor”, afirma Tadros. Ele lembra que o indicador que mede a confiança dos varejistas em relação às condições atuais de suas empresas aumentou 6,4% em relação a março e a intenção de consumo teve a primeira alta em quatro meses, com avanço de 0,4%. “O orçamento menos apertado das famílias deve favorecer as compras em praticamente todos os segmentos”, disse o presidente da CNC, José Roberto Tadros.

Emprego
Com relação à geração de emprego, a projeção é de 25,9 mil novas vagas em 2024, aumento de 2,2 mil novos empregos com relação ao ano passado. A expectativa é que o salário médio de admissão fique em torno de R$ 1.794, uma alta de 7,1% do valor médio pago na mesma data em 2023. São Paulo (6,7 mil) e Minas Gerais (2,9 mil) devem ser os maiores demandantes por trabalhadores temporários. “A expectativa mais positiva para a data neste ano se dá por conta das melhores condições das taxas de juros e do mercado de trabalho, o que melhora o poder de compra tanto à vista como a prazo”, explica o economista da CNC responsável pelo estudo, Fabio Bentes, ao destacar que a taxa média de juros para pessoas físicas atingiu um pico de 59,87% ao ano em maio do ano passado e, depois disso, assumiu uma trajetória de queda, o que influencia diretamente o planejamento das famílias para este Dia das Mães.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com