32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Esportes

Flamengo sofre com ausências na lateral-esquerda nesta data Fifa

quinta-feira, 13 de junho 2024

As várias ausências vão confirmar um dos grandes pesadelos do Flamengo neste período de Data Fifa: ficar sem um jogador de origem para a lateral-esquerda. Com Ayrton Lucas lesionado e Matias Viña fora, Léo Pereira será o substituto, mas liga alerta internamente.

Foto: Divulgação

As laterais sempre foram motivo de dor de cabeça no Flamengo. Tite pediu dois atletas por posição no início do ano, o que fez o clube aceitar a venda de Matheuzinho ao Corinthians e a contratação de Viña após aposentadoria de Filipe Luís.

O setor, porém, sempre é alvo de atenção. O Flamengo já começa a se planejar para busca jogadores na janela e tem a posição em observação. A direita é o principal foco.

Pela esquerda, Tite perdeu todas as alternativas. Além dos dois atletas da posição, Varela também pode ser deslocado, mas está com a seleção uruguaia.

A solução será Léo Pereira retornar às origens como lateral. O defensor já atuou desta maneira inclusive no Flamengo. Com Rogério Ceni no comando, por exemplo, foi substituto de Filipe Luís.

Léo iniciou a carreira nessa posição. Como é canhoto, é a alternativa que nesta quarta-feira (12) se apresenta no elenco além de jovens da base. Zé Welinton é lateral de origem, mas só esteve no profissional nas partidas do Carioca com Mário Jorge. Carbone foi para a pré-temporada, ficou três jogos do Estadual no banco com Tite, mas é zagueiro e não voltou a ser relacionado.

Com a possibilidade de perder Léo Pereira, a situação fica até mais complexa. O estafe do jogador não esconde a vontade de vê-lo em outro país e espera receber propostas na janela. O Flamengo já sabe que pode ter jogos durante a Data Fifa por conta do calendário apertado e, por isso, pode voltar a ter esse problema.

O Flamengo sofreu até conseguir o reforço para a lateral-esquerda. Foi necessária uma ida à Itália para convencer a Roma a negociar Viña.

O clube já começava a pensar em alternativas e sondar o mercado. Nomes como Alex Sandro e Juninho Capixaba foram cotados na época. Entretanto, só buscava alguém para disputar com Ayrton Lucas, entendendo que dois jogadores eram suficientes.

Landim chegou a dizer que o Fla tinha outras opções. No começo da janela ele pregou paciência, mas frisou que haviam alternativas: “Estamos trabalhando. Vai começar dia 11 na prática. Calma, a janela está aberta até o início de março, tem muitas coisas para fazermos ainda. Tem mais de um lateral-esquerdo, temos base, uma série de coisas. Mas de fato todos sabem que é uma posição que o Flamengo busca mais um profissional”, disse em janeiro.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com