32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Geral

Servidores mantêm greve de universidades e institutos federais localizados no Ceará

terça-feira, 18 de junho 2024

Assembleia foi realizada nesta segunda-feira (17) no jardim da Reitoria da UFC. Há previsão, ainda sem data, de nova deliberação nos próximos dias

Créditos: Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado do Ceará / Foto: Reprodução

Após assembleia realizada pelo Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Ceará (Adufc), servidores decidem manter a greve nas universidades e institutos federais localizados no Ceará. A paralisação é nacional. 

Participaram da reunião professores, funcionários e membros da Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade Federal do Cariri (UFCA) e Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB).

As pautas discutidas no encontro foram voltadas a possíveis reajustes de salário durante os anos de 2024, 2025 e 2026 e a última proposta do Governo Federal, apresentada no dia 15 de maio, em que foi sugerido o reajuste salarial de 0% em 2024, 9% em 2025 e 3,5% em 2026. Em contraproposta o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes) exigiu o reajuste de 3,68% em 2024, 9% em 2025 e 5,16% em 2026.

Há a previsão, mas ainda sem data decidida, de uma nova assembleia nos próximos dias para decidir sobre os reajustes e se a greve será mantida ou chegará ao fim. 

Mais conteúdo sobre:

GREVE UNIVERSIDADES

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com