32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Mundo

Putin surpreende e demite aliado do Ministério da Defesa

segunda-feira, 13 de maio 2024

Apenas cinco dias após iniciar seu quinto mandato presidencial, Vladimir Putin, líder da Rússia, tomou uma decisão chocante ao demitir Serguei Choigu, ministro da Defesa e antigo aliado, junto com Nikolai Patruchev, o influente secretário do Conselho de Segurança do país. Essa mudança surpreendente ocorre em um contexto onde as forças russas ganham terreno na invasão à Ucrânia, avançando no leste e iniciando uma nova ofensiva ao norte do país.
Na exposição do Dia da Vitória sobre a Segunda Guerra Mundial, que aconteceu na quinta-feira (9), Putin esteve ao lado de Choigu, momento em que o presidente alertou sobre a possibilidade de um terceiro conflito mundial envolvendo o Ocidente. A substituição de Choigu veio com a nomeação de Andrei Belousov, um economista sem laços prévios com o setor de defesa, indicando uma possível militarização da economia russa diante do conflito prolongado. Belousov, anteriormente conselheiro do Kremlin e ministro do Desenvolvimento Econômico, agora se vê no epicentro de uma guerra econômica intensificada.
Ao mesmo tempo, o Kremlin assegurou que Choigu não será marginalizado, assumindo o posto anteriormente ocupado por Patruchev no Conselho de Segurança, um órgão consultivo presidido por Putin. Patruchev, um ex-agente secreto de influência comparável à de um Raspútin moderno, era um aliado próximo de Putin, ambos compartilhando origens similares nos serviços secretos.
Esta reestruturação também inclui a permanência de Valeri Gerasimov como chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, mantendo a estrutura de comando junto a Putin e Choigu. Gerasimov é frequentemente visto como o cérebro tático atrás de Choigu, com ambos tendo acesso aos códigos de lançamento de armas nucleares.
Críticas severas à condução da invasão de 2022 por Choigu e Gerasimov culminaram em uma retirada humilhante das proximidades de Kiev, desafiando as expectativas ocidentais de uma rápida vitória russa. Essa pressão aumentou após uma tentativa de golpe liderada pelo mercenário Ievguêni Prigojin, que criticava a liderança militar e morreu após um atentado ao seu avião.
Enquanto isso, Dmitri Patruchev, filho do conselheiro, ascendeu de ministro da Agricultura para vice-premiê da mesma área, sob o governo do discreto primeiro-ministro Mikhail Michustin. Estes movimentos sinalizam estratégias políticas e econômicas de longo prazo em resposta a uma guerra que Putin define como um combate não apenas contra a Ucrânia, mas contra todo o Ocidente.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com