32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Nacional

Mulher é presa por desligar sonda alimentar do filho de 3 anos; caso aconteceu em Goiás

segunda-feira, 06 de maio 2024

No último domingo (5), agentes da Força Tática do 7º Batalhão da Polícia Militar realizaram a prisão de uma mulher após ela desligar a sonda que alimentava o filho de 3 anos. O menino tem paralisia cerebral, e necessita de cuidados tanto com a sonda como com um aparelho de oxigênio, ele foi encontrado “desfalecido”.

Foto: Reprodução

Após receberem denúncias de venda de drogas em uma residência no Setor Serra Dourada, em Aparecida de Goiânia, os agentes se deslocaram até o local,  oo se aproximarem da casa, os policiais flagraram cinco usuários de drogas e, durante a abordagem, foram apreendidas 34 porções de crack e 26 de cocaína. Um dos usuários também confessou ter furtado frascos de medicamentos.

Conforme a  tenente Rhainna Iannari, quando os policiais entraram na casa se depararam com a criança de 3 anos, inconsciente sobre o sofá. O filho da mulher necessitava de alimentação por sonda e oxigênio, mas teve os suportes vitais negligenciados pela mãe, conforme ela mesma confessou.

O menino foi levado para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para receber os cuidados médicos necessários. De acordo com  a Polícia Militar, essa não foi a primeira vez que os militares foram acionados para atender a ocorrências relacionadas à suspeita. Ela havia sido autuada pelo mesmo problema e teria chegado a perder a guarda do filho. Contudo, o Juizado da Infância de Aparecida de Goiânia decidiu manter a guarda do pequeno com a mãe.

A mãe da criança e outro usuário de drogas foram detidos e conduzidos à Central de Flagrantes de Aparecida de Goiânia. A mulher responderá por tráfico de drogas, maus-tratos contra vulnerável e crimes contra o Estatuto da Criança e do Adolescente.

Mais conteúdo sobre:

Aparecida de Goiânia Mulher presa Polícia Militar

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com