32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Política

Evandro critica taxa do lixo e Sarto rebate: “hipócrita”

segunda-feira, 13 de maio 2024

Adversários na eleição pela Prefeitura de Fortaleza deste ano, o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (Alece), deputado estadual Evandro Leitão (PT), e o prefeito José Sarto (PDT) tiveram uma briga pública nesse final de semana através das redes sociais. As discussões giraram em torno da taxa do lixo cobrada na Capital, um dos principais motivos de crítica à atual gestão municipal por parte de adversários políticos.
No sábado (11), Evandro publicou um vídeo questionando o imposto implementado pela gestão de Sarto e o retorno dele para a cidade. Além disso, ele prometeu acabar com a cobrança. “A criação de mais uma taxa para tirar dinheiro dos fortalezenses, que já vivem uma realidade tão desigual, é uma injustiça. Pior ainda é ver que os recursos da taxa do lixo, criada por Sarto, não retornam ao cidadão com áreas mais limpas e bem zeladas. Acabar com a taxa do lixo é prioridade. O povo de Fortaleza quer resultados e gestão séria de seus impostos”, disse Evandro.
Em seguida veio a resposta dada diretamente pelo prefeito, que também publicou vídeo para rebater as críticas. Na mesma linha, Sarto criticou a atuação de Evandro como presidente do Legislativo estadual na aprovação de pautas enviadas pelo Governo do Estado como o aumento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), sob a gestão de Elmano de Freitas (PT), aliado de Evandro.
“Vocês conhecem quem é o principal responsável pelo aumento de tudo para o povo cearense, principalmente para os mais pobres? Sabem quem é o deputado que aprovou em tempo recorde sem discussão e sem audiência pública o aumento do ICMS para combustíveis e tudo o que tem nos supermercados? Foi exatamente esse deputado hipócrita, esse Leitão, que agora promete acabar com a taxa do lixo. Nossa povo não é tolo e não cai em conto do vigário”, afirmou Sarto.
O gestor aproveitou também para falar sobre a taxa do lixo. “A taxa é uma obrigação estabelecida pelo Congresso Nacional e nós tivemos o cuidado de isentar 70% da população mais carentes de Fortaleza”, completou Sarto.
Evandro continuou a discussão: “Sarto volta a me atacar simplesmente porque critiquei a taxa do lixo, que ele criou, mentindo para a população dizendo ter sido obrigado a fazer isso. Ele se irrita porque sabe que isso não é verdade. E também não aceita eu ter me comprometido a acabar com essa taxa, que não melhorou em nada a limpeza da cidade”.
Taxa do lixo
A Taxa de Manejo de Resíduos Sólidos Urbanos, popularmente conhecida como Taxa do Lixo, é cobrada em Fortaleza desde 2023 e desde que foi proposta pela gestão de José Sarto causou polêmica no meio político e entre a população.
O imposto está previsto no Marco Legal de Saneamento Básico, aprovado em 2020, sendo cobrado atualmente em diversas capitais e cidades pelo país. Pela lei, a cobrança deve servir para custear os serviços de coleta, transporte e tratamento dos resíduos sólidos por parte das prefeituras e garantir a universalização do saneamento básico.
(Por Igor Magalhães)

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com