32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Política

Famíla e partido de Marielle comemoram a prisão dos suspeitos de serem mandantes

segunda-feira, 25 de março 2024

A ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco, que é irmã de Marielle, comemorou as prisões. “Só Deus sabe o quanto sonhamos com esse dia! Hoje é mais um grande passo para conseguirmos as respostas que tanto nos perguntamos nos últimos anos: quem mandou matar a Mari e por quê?”. Ela agradeceu à PF, ao Governo Federal e ao Ministério Público, além do ministro Alexandre de Moraes.

A família de Marielle ficou particularmente surpresa com a prisão do delegado Rivaldo Barbosa, ex-chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro. “Acho que a maior surpresa nisso tudo era exatamente o nome do doutor Rivaldo. Era um nome que inclusive a minha filha confiava nele, no trabalho dele. Ele foi um homem que disse que era questão de honra para ele elucidar esse caso. Ele disse para mim e para meu marido que era questão de honra”, afirmou Marinete da Silva, mãe da vereadora, à GloboNews.

“É uma tristeza muito grande, porque quando você passa a viver uma situação dessa, com uma autoridade que está dentro do serviço público para fazer seu trabalho. É ainda mais difícil. Infelizmente, ver o nome do doutor Rivaldo nessa lama”, lamentou Marinete.

O Psol, partido de Marielle Franco, divulgou uma nota, celebrando a prisão dos mandantes do assassinato. No entanto, afirma que vai seguir lutando para que todos os envolvidos sejam condenados.
“Após um pouco mais de seis anos do assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes, hoje finalmente foram presos os apontados como mandantes desse crime covarde, bem como uma das pessoas que teria obstruído as investigações. Nós seguiremos na luta por justiça até que todos os envolvidos sejam julgados e condenados. Levaremos adiante o legado e as lutas que Marielle Franco incorporava. Marielle, presente! Anderson, presente! Hoje e sempre!”, declarou.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com