32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Colunista - Fernando Maia

A pandemia letal do crime

quarta-feira, 26 de junho 2024

O crime organizado da maneira como está evoluindo em todo o país, tem a letalidade de uma pandemia sem eficiente para os malefícios. É posição exposta pelo ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Supremo Tribunal Federal resumindo o nível a que atingiu essa mal que estigmatiza gerações implantando o terror e a insegurança generalizada. A sua gravidade termina por causar, entre outros males, desencontros de opiniões sobre as causas e fatores responsáveis pelas origens e crescimento da criminalidade. Alguns políticos defendem a implantação de medidas extremas, enquanto outros, também favoráveis ao rigor no enfrentamento, manifestam-se contra o risco de derramamento de sangue nas operações policiais. Adversários dos que se encontram no poder unem vozes acusando o presidente, governadores e prefeitos de não terem soluções para impedir o crescimento das facções que agem no Ceará. Desencantado com autoridades, o tecido social se esgarça sofrendo a influência das milícias de bairros ganhando musculatura para impor leis próprias fortalecendo organizações que alimentam a escalada do crime. Em Fortaleza, milícias bem armadas exercem o domínio territorial de comunidades da periferia como se fosse uma cidadela onde só é possível circular com autorização do comando marginal. A visão desse trágico momento no curso do tempo se modificou a luz de suas consequências, dificultando uma intervenção saneadora do estado em defesa de ações concretas que assegurem às pessoas o direito de exercer com plenitude a sua cidadania, sob pena do crime se tornar mais relevante do que o respeito aos deveres sociais.

Ataque das eólicas. A informação surpreende quem acompanha o desenvolvimento de energias renováveis. Estudo da Fiocruz e da Universidade Federal de Pernambuco, constatou que moradores das proximidades de parques eólicos estariam tendo problemas de saúde como perturbação auditiva, insônia, palpitações e tristeza com ameaças de depressão, entre outros incômodos. Segundo a Fiocruz e a UFPE, trata-se de síndrome das turbinas eólicas expulsando moradores do seu habitat.

Mais segurança. O esforço e empenho redobrados do governo para ampliar o poder repressivo da segurança no Estado passou a contar com mais 2.700 Policiais Militares e 80 peritos para a Polícia Civil. Com esses números, o Ceará passará a contar com o mais numeroso contingente de policiais da Região do Nordeste.
Benefícios fraudulentos. Conforme traz a público o presidente Lula, o Governo vai fazer um pente-fino nos milhões de benefícios fraudados desde antes e durante a pandemia para economizar R$ 30 bilhões desviados por falsificações. Os programas bolsa-família, MBC Loas, seguro desemprego e auxílios-doença, são tungados por gigantescas tramoias eleitoreiras.
Pacote dos Poderes. No decorrer desta semana, a prioridade da Assembleia Legislativa será debater e aprovar pacote de medidas destinadas a barrar ações das facções criminosas com abrangência em todos os 184 municípios. Trata-se de matéria inédita elaborada conjuntamente pelos três poderes – Executivo Legislativo e Judiciário funcionando em bloco. .
Pacificador. Enquanto os adversários defendem uma ação “olho por olho, dente por dente” para combater facções criminosas, o deputado Evandro Leitão adverte contra o rigor excessivo que pode levar a um “banho de sangue,” fazendo lembrar o lema do marechal Rondon para catequizar indígenas. ”Morrer sim, matar nunca”.
Arrumando a casa. O final da semana passada foi mais um período para a continuidade da missão do senador Cid Gomes (PSB) para acalmar os ânimos de aliados no interior do Estado. Esteve em oito municípios unindo adversários políticos. Trata-se, segundo ele, trata-se de ação extremamente delicada, por conta de rivalidades antigas.
Injustiça da Globo. TV Globo foi bastante parcial quando, classificou o São João de Caruarú (PE) e Campina Grande (PB) como os maiores do Brasil. Parece não ter chegado ao conhecimento da Vênus Platinada os 2,5 milhões de frequentadores, e as 280 atrações artísticas e musicais com o recheio de 250 quadrilhas juninas em Maracanaú.
Marmota em Caridade. A cidade de Caridade está atraindo atenções. Com o prefeito cassado, assumiu interinamente o vice que não é do agrado da maioria dos munícipes. Há vereadores pedindo ao presidente da Câmara Municipal Erivaldo Fernandes, a extinção do cargo de vice-prefeito.
Politicalha. O prefeito de Fortaleza fez uma visita ao IJF pra conhecer de perto as duas crianças vitimadas por tiroteios na chacina do Barroso, em atitude de extrema humanidade. O mesmo não aconteceu com políticos oposicionistas que consideraram a visita um ato de demagogia.

“O ex-presidente Bolsonaro vai mostrar a Lula que não é só ele quem tem força no Nordeste. Vamos vencer as eleições para a prefeitura de Fortaleza com o seu apoio”. Deputado André Fernandes, candidato do PL.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com