32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Sem categoria

Fortaleza e Ipu com Maria

quinta-feira, 09 de maio 2024

Próximo ao Dia das Mães, o próximo domingo, 12 de maio, neste mês consagrado a Maria, mãe de Jesus Cristo, seja qual for a sua denominação, muitas caravanas têm ido a Curitiba para participar de eventos na Arquidiocese de Nossa Senhora de Guadalupe, com a presidência do conhecido padre Reginaldo Manzotti. Na última semana, dentre as centenas de caravanas que lá estiveram, padre Reginaldo anunciou que o Estado do Ceará ali estava com muitas delegações e ele, ressaltou nominalmente as de Fortaleza e do município de Ipu, na Zona Norte do Estado. Em sua homilia lembrou as mães e abençoou todas as mães cearenses, pedindo a todos que ali estavam e os que estavam acompanhando pelos meios de comunicação “ obedeçam suas mães, amém suas mães e ajudem no que for possível as mães pobres e as que sentem dificuldades, que são tantas nós dias de hoje”. E desejou um “Espero que tenhamos no próximo domingo, 12/05, um super-feliz Dia das Mães”.

Mães do Ceará
É importante registrar que não só em Fortaleza, mas em todos os demais 183 municípios do Estado do Ceará, as mães serão reverenciadas e homenageadas pelas prefeituras, igrejas e muitas entidades, que reconhecem o grande papel de todas elas no acompanhamento dos filhos (as) desde a geração e até os últimos dias de vida. Todos juntos, peçamos para nossas mães, paz, saúde e alegrias, sempre. Elas merecem. E as que já estão com Deus, que continuem nos abençoando ao lado da Trindade Santa (Pai, Filho e Espírito Santo). Amém, Aleluia.

A blindagem da alma
O Apóstolo Luiz Henrique que também é deputado estadual, acabou de lançar o livro com a denominação de “A Blindagem da Alma”, onde com sua experiência pastoral sugere que “Aprenda a proteger as suas emoções, em meio ao sofrimento, amadurecendo e se tornando nobre!”. Os endereços elétricos do deputado, apóstolo e também escritor: @apostololuizhenrique e AP. Luiz Henrique no YouTube.

Doenças da alma
No seu livro, LH destaca que “pesquisas apontam que as doenças da alma são o maior mal do século. Como seres espirituais, carecemos de pensamentos e sentimentos que estejam alinhados à essência de Deus, em toda a sus natureza de bondade, de paz, de amor e de alegria. Quando nossos pensamentos perdem o contato com essa natureza de Deus, somos bombardeados pelas más informações do medi, da dúvida, da tristeza, da mágoa, da inveja e de tudo o que é gerado na natureza pecaminosa que está entre nós”.

E ainda
Também ressalta o deputados-apóstolo-escritor: “É como se fosse uma grande contaminação da nossa alma nesse ambiente sombrio. E isso contamina também a camada que reveste a alma que é o corpo físico. Ele é alimentado pela alma, pode ser nutrido do que é bom e ter saúde, ou do que é ruim e enfraquecer. Quando a mente (que é uma das esferas da alma) está em desequilíbrio, grandes são os prejuízos”.

Porque?
“Perdemos o controle sobre o que pensamos e ao invés de dominar, somos dominados por um intenso fluxo de pensamentos, sem filtro. Esse fluxo intenso, sem freio, em uma velocidade crescente, provoca distúrbios e doenças mentais. Podemos destacar aqui a síndrome do pensamento acelerado que impede a mente de se organizar e ter foco”.

É preciso saber
“O ser humano sem concentração e viciado em estímulos, tem uma hiper pensante, com dificuldades no campo da criatividade, se torna irritado, sem tolerância e acaba sofrendo de ansiedade com prejuízo na saúde física e mental, em um ciclo viciante. Esse enfraquecimento do sistema imunológico abre um leque para as famosas “doenças da alma ou psicossomáticas: ansiedade, pânico, depressão, além daquelas consequências silenciosas que vão nos adoecendo por dentro e acabam vindo à tona depois em forma de pele, problemas respiratórios, gástrico e até mesmo câncer.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com