32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Colunista - Fernando Maia

O que fazer com Bolsonaro

quarta-feira, 20 de março 2024

A situação cada vez mais labiríntica do ex-presidente Jair Bolsonaro, virou um quebra-cabeça para a Justiça. A questão do indiciamento dele por ilegalidades, com o uso de falsos documentos para provar uma vacinação inexistente contra a COVID-19 não passa de um simples detalhe em meio a outras incontáveis ações de desafio à Lei e a instituição da Nação. No caso da falsa vacinação, ele levou consigo mais 16 pessoas que entraram nesse imprensado por determinação dele, já que chefe é chefe. Mesmo assim, é terrível a repercussão de atitude desse grau, quando o próprio chefe da Nação assume a responsabilidade e os riscos dela resultantes. Já no caso dos atos em que ele praticou atos de características golpistas, tentou impedir a posse do presidente eleito, essa situação chega a nos lembrar das peripécias do ditador da Espanha, Generalíssimo Francisco Franco, que tentou na II Grande Guerra enrolar os aliados e o Eixo cujos líderes indagavam: O que fazer com Franco? Pois, é mais ou menos o que ocorre com Bolsonaro, diante da trapalhada da pseudovacina, aliada às atitudes impatrióticas e irresponsáveis dele diante dos generais que, em demonstrações de respeito à farda que vestem, e à sua missão de salvaguardar a Pátria, tolheram-lhe os movimentos e cortaram-lhe as asas, impedindo que ele viesse a mergulhar o Brasil num banho de sangue. Cabe, agora, ao STF assumir uma dramática decisão, já que lhe caberá a missão de julgar se ameaça de golpe de estado é mesmo caso de cadeia.

Crescimento político. A senadora Augusta de Brito (PT) tem mostrado a cada dia mais prestígio político no Estado. Por conta disso, ela entra em período de 121 dias de licença do Senado Federal, devendo assumir o setor da Articulação Política em relação ao Governo do Estado. Essa articulação será crucial no que diz respeito à organização da campanha eleitoral, assim como da aliança entre os partidos governistas. Com isso, ela prestará preciosa ajuda ao ministro Camilo e ao senador Cid.

Bom para todos. Ainda a propósito da senadora Augusta de Brito, sabe-se que ela já está se empenhando a fundo pela sua candidatura à Câmara dos Deputados em 2024, ou seja, por uma cadeira dela mesma. Com o senador Camilo Santana devendo continuar no Ministério da Educação, a beneficiada deverá ser a 2ª suplente de senador, Janaína Farias, que ganharia quatro anos de Senado.
Tarefa para Ivo. Em relação à sucessão em Sobral, que deverá ser uma das mais disputadas, o senador Cid Gomes a quem era atribuído a coordenação da campanha municipal, houve mudança de planos e Cid, alegando a pesada tarefa das coligações no interior, passou essa responsabilidade ao mano, prefeito Ivo, que, para ele tem toda a força para levar à vitória o seu candidato.
Disputa acirrada. Quanto à sucessão em Sobral, o desafio para o prefeito Ivo será o de levar um candidato seu a derrotar o milionário empresário da Educação, Oscar Rodrigues, que tem medíocre atuação, e mal aparece na Assembleia Legislativa, mas dispõe de dinheiro a rodo para tentar ser prefeito da Princesa do Norte, coisa que não conseguiu o seu filho, deputado Moses.
Jogada na CMF. Observadores destacam a habilidade com que tem se movimentado o vereador Gardel Rolim, do PDT. Agindo com esperteza ao lado do prefeito Sarto, ele conseguiu impedir que todos os vereadores do PDT e de partidos aliados fossem atraídos para filiarem-se ao PSB, partido onde o senador Cid e o presidente Eudoro têm filiado centenas de lideranças, prefeitos, e vereadores.
Federação forte. Segundo lideranças e dirigentes da União Brasil, Democratas e PP estariam ocorrendo negociações entre os comandos dessas três siglas, visando a formação de uma federação a começar pelo nível federal. A se confirmar esse projeto a novidade é que poderemos ter a maior bancada da Câmara dos Deputados, com 109 deputados, e do Senado Federal, com 13 senadores.
Detendo passos de Góes. Em Caucaia, onde a sucessão municipal começa a ser aquecida, com vários pré-candidatos, o ponto negativo foi a notícia de que o ex-prefeito Washington Goes e ex-secretários foram denunciados pelo MPCE, em consequência do desvio de recursos públicos, além da prática de fraude em processos de licitação. É assim que se encerram muitas carreiras.
Preocupando o país. As notícias sobre a explosão da dengue em vários estados, para o deputado e médico Fernando Hugo (PSD), é séria. Para ele, poderemos estar ameaçados de situação como a pandemia, cujo morticínio no Brasil foi atribuído a falhas e má-vontade do ex-presidente Jair Bolsonaro, que tinha ojeriza a vacinas. Agora, pergunta-se quem está impedindo de o povo se imunizar.
Votos de jovens. É das mais inspiradas a decisão da Justiça Eleitoral, no sentido de que não percamos os votos dos mais jovens. Por conta disso teremos ampla publicidade, mobilização de pessoas e de recursos no sentido de que jovens de 15, 16 e 17 anos não percam a chance de cumprir esse dever cívico, retirando seu título. Para o TSE não se pode perder 1,5 milhão de valiosos votos.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com