32 C°

.
Fortaleza, Ceará, Brasil.

aniversario
aniversario

Colunista - Fernando Maia

Preocupação no interior

terça-feira, 30 de abril 2024

Nos últimos dias, tem crescido nos corredores, galeria, gabinetes e cafezinho da Assembleia Legislativa do Ceará, a presença de lideranças interioranas, já não mais apenas para cobrar dos parlamentares a liberação de mais recurso atrasados para os projetos mais urgentes de seus municípios. Há preocupações maiores e bem mais graves, sobre temas mais sérios e que exigem prevenção geral, ou seja, do Governo do Estado, Ministério Público do Ceará, Ministério Público, Tribunal Regional Eleitoral, e até da Polícia Federal. De acordo com o que vem sendo relatado por muitos representantes, ou por simples lideranças, cresce a onda de ameaças, a esta altura não mais tão discretas, mas, a cada dia mais explícitas, entre adversários políticos, com predominância entre opositores aos prefeitos sendo que a mensagem mais clara de muitos dele, é a de que seu objetivo é a retomada, a qualquer custo, do poder. Essa situação chega a causar alguma surpresa, quando se obseva que na maioria dos municípios estão atuando vários partidos que, inclusive são participantes de aliança partidária governista. Como se vê, trata-se de mais uma consequência da libertinagem como se permite o Sistema Eleitoral superlotado de partidos, em sua maioria vazios. Mas, o mais preocupante e condenável nas atitudes de muitas lideranças interioranas é a “filosofia” de muitos condutores de partidos aliados de pequeno porte, apregoada entre as lideranças mais modestas das cidades, ou seja, manter a unidade em nível e “atiçar a fogueira” no campo Municipal. Assim, pairam fagulhas sobre serras e sertões.

Tapeação da Petrobras. Ainda a propósito da destruição do DNOCS por políticos oportunistas, Mano lembra um episódio que bem ilustra a decadência do DNOCS, depois de este ter ensinado o país a vencer as secas. A multibilionária Petrobras, dizendo querer salvar a sede do DNOCS prometeu fazer dela o Museu do Semiárido. Depois, esqueceu e o projeto foi para o lixo.
Pacto sério. Atendendo a representações ligadas à Cultura, o governador Elmano de Freitas liberou recursos num montante de R$ 719 milhões destinados ao Pacto pela Cultura, do Sistema Estadual de Cultura. Trata-se da primeira vez em que esse setor tem à sua disposição recursos para grandes projetos, inclusive para municípios que criarem o seu próprio Sistema.
Cirilo em festa. Tem todos os motivos para comemorar, o prefeito de Quixeramobim, Cirilo Pimenta, ao anunciar a inscrição de mais de 2.000 candidatos ao vestibular de Medicina naquela cidade. O número chega a causar admiração às autoridades ligadas à Educação, ao mesmo tempo em que vem a “deixar sem jeito”, adversários que torciam contra Cirilo e o Projeto.
Máquina azeitada. Segundo analistas políticos, enquanto o PT do Ceará começa a dar sinais de imitação com o que ocorreu com o PDT que foi vitimado pelos “desunido”, o PSB, ao contrário, e sob o firmo comando do senador Cid e do ex-deputado Eudoro, bate recordes de filiações, assim como de adesões, constituindo-se no melhor abrigo para decepcionados. Que são muitos.
Sinuca para Augusta. A deputada Augusta, secretária da Articulação Política, e que vinha sem grandes problemas, tem em mãos desatar o “nó” de Juazeiro do Norte, onde o deputado Davi Raimundão (MDB), mesmo aliado tenta, com a influência do pai, ex-prefeito Raimundo Macedo manter a sua candidatura e não do deputado Fernando Santana (PT).
Perdas com o quinquênio. Como se já não houvesse motivos de crise entre os Poderes, a questão do quinquênio para o pessoal da Justiça ameaça ser mais grave e complicado do que se pode avaliar. Trata-se de uma proposta para o pagamento de mensalidade de cinco em cinco anos, e que está com o congresso. Se aprovado vai sugar mais de R$ 80 bilhões arrancados do povo.
Camilo em destaque. Como sinal de reconhecimento pelo êxito da sua atuação à frente do Ministério da Educação, o ministro Camilo Santana foi destacado com o título de Doutor Honoris Causa pela UFMG, em concorrida solenidade com a presença de estelares da Educação. Os comentários eram de que ele está sendo melhor avaliado do que o próprio presidente Lula.
Indignação de Mauro. Em Brasília, o deputado Mauro Filho (PDT) afirma estar pronto para defender isenção de 30 produtos da cesta básica para a população. Ele é da Comissão que Cida disso, e expõe a sua indignação por ver ricos nada pagando pelo salmão e o filé de sua mesa, enquanto o pobre tem que pagar impostos pela sardinha, o lombo magro e a costela descarnada.

hoje

Mais lidas

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com